O estudo Da Salvaguarda à Valorização: Os Monumentos Nacionais de Portugal e a Abertura ao Público, teve início em 2019 e incide sobre os bens de património cultural imóvel classificados como monumentos, com a categoria de proteção de Monumento Nacional, abertos ao público. 

No estudo participam Monumentos Nacionais visitáveis, de várias tutelas, públicas e privadas, e de todas as regiões do país. As dimensões inquiridas incluem a situação quanto a visitas, regime de abertura, controlo de visitantes, número de visitantes totais, por modalidade de entrada, por nacionalidade, em grupos escolares e em visitas guiadas, e os recursos humanos.

Constatada a inexistência de estatísticas oficiais, este estudo visa contribuir para o conhecimento destes monumentos quanto ao acesso e fruição.

O OPAC atualiza regularmente os dados com base em inquéritos anuais. Em 2020 recolheu também opiniões de diretores, responsáveis e técnicos sobre a situação provocada pela fase inicial da pandemia COVID-19, o seu impacto e as medidas e expetativas quanto ao futuro após a reabertura ao público dos monumentos.

Da Salvaguarda à Valorização:

Os Monumentos Nacionais de Portugal

e a Abertura ao Público

Da Salvaguarda à Valorização: Os Monumentos Nacionais de Portugal e a Abertura ao Público em 2019

Da Salvaguarda à Valorização: Os Monumentos Nacionais de Portugal e a Abertura ao Público

Os Monumentos Nacionais de Portugal e a Abertura ao Público: impactos decorrentes da COVID-19. Relatório 

assinatura_logo_1.jpg
FCT.png

site design by OPAC | logotipo design by Sofia Rocha